quinta-feira, 19 de maio de 2016

CARTA DE ALFORRIA


“Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.” João 8.32 Durante séculos a escravatura fez  parte da vida do homem. A diferença é que naquela época os escravos tinham consciência de sua condição e, hoje, as pessoas são escravas acreditando que são livres. Acham-se livres para fazer o que quiserem, quando, na verdade, fazem tudo o que Satanás quer que façam. Estão escravas do álcool, das drogas, do sexo, do dinheiro, da enfermidade, da mentira, do ódio e de todo o tipo de pecado. Porém, Cristo escolheu esse dia para te dizer “Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” (Jo 8.32). Quando Jesus morreu na cruz, pagou o preço da sua liberdade, redigiu uma carta de alforria para você e desceu às profundezas do inferno para pegar as chaves da senzala em que Satanás tenciona lhe aprisionar por toda a eternidade.Tudo isso fez por lhe amar e saber que por suas próprias forças você não conseguiria jamais sair da condição de escravo. Tome posse dessa verdade. Seu libertador, Jesus Cristo, está em cada um de nossos cultos assinando cartas de alforria para todo aquele que reconhece ser escravo do pecado e que deseja ser verdadeiramente livre. Venha tomar posse da liberdade que Cristo conquistou por você. Venha pegar sua carta de alforria, mediante aceitação de Jesus como Senhor de sua vida, e apresente-a, assinada pelo sangue vertido na cruz, àquele que te aprisionou durante tantos anos. Pr. Cláudio Grabowsky - Área Parobé. RS

sábado, 7 de maio de 2016

A MULHER SÁBIA

                                                                                                                                                           
"Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos." (Provérbios 14.1) Sabedoria é a capacidade de agir sem criar problemas, bem como de resolver os problemas criados por outros.  A insensatez, por sua vez, leva a pessoa a criar problemas, além de impedi-la de resolvê-los. A Bíblia ensina que a mulher sábia edifica a sua casa, mas a insensata a destrói com suas próprias mãos (Pv 14.1). da mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos." (Provérbios 14.1) Vemos, aqui, o impacto imensurável que as decisões, postura e palavras sábias da mulher causam no homem e nos filhos. A Bíblia conta a história de Abigail, que com uma atitude e palavras sábias, foi a única pessoa na história do indomável rei Davi a lhe deter de entrar numa batalha. Davi casou-se com ela, tiveram filhos, e, quando o esposo assumiu o trono, Abigail veio a ser rainha. Sua sabedoria lhe edificou a casa. Por outro lado, o domínio das emoções leva mulheres a destruírem o lar por meio de atitudes insensatas, como o ciúmes. Suas cenas de ciúmes, visando guardar o "seu" homem ou o "seu" filho "das outras", são justamente o que vai distanciá-los da insensata. A insensatez destrói; a sabedoria constrói. Se o seu lar está sendo destruído, há grande chance de que isso ocorra pela sua falta de sabedoria em manejar as coisas. A Bíblia é cheia de conselhos sobre como edificar um lar feliz. Deus também diz que "se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e não o lança em rosto; e ser-lhe-á dada" (Tg 1.5). Irmã, Deus te dá a chave para construir tua casa. Use-a! Neste dia das mães, ore e peça a Deus sabedoria e graça para criar e administrar sua casa junto com seu esposo. Pr. Cláudio Grabowsky. Parobé. RS