sábado, 1 de julho de 2017

NEGLIGENCIA, O MALDITO. 2ª Parte


Maldito aquele que fizer a obra do Senhor fraudulosamente; e maldito aquele que retém a sua espada do sangue. Jeremias 48:10 Havia uma orientação da parte de Deus para seus lideres, estes deveriam cumprir a risca esta ordem. A sentença era contra Moabe, uma nação pagá, mas que também serve para nós Pastores, Evangelistas e obreiros da sua casa. Os moabitas  eram descendentes de Ló e, por isso parentes dos Israelitas. Mas a sua longa historia de desrespeito para com o povo de Deus levou este povo a receber uma condenação do Senhor. Os homens usados para executar a sentença seriam os instrumentos de Deus, vingadores escolhidos por Deus. Deus chamou homens para castigar os Moabitas e falou que seriam malditos se não cumprissem  sua tarefa com diligencia, não deveriam guardar suas espadas, nem tão pouco preservar elas do sangue, Não poderiam ser covardes, tímidos ou medrosos, em Eclesiastes 9.10 vai dizer: Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças, porque na sepultura, para onde tu vais, não há obra nem projeto, nem conhecimento, nem sabedoria alguma, não é o que você quiser fazer, é aquilo que vem até suas mãos para fazer... não escolha!  Existe uma liderança, um líder, alguém que vai guiar você. Não podemos ser negligente no trabalho da casa de Deus, precisamos ser diligentes com aquilo que chega até nossas mãos para fazer. Então seria MALDITO, aqueles que não atentasse para esta ordem de Deus. Hoje, a missão dos servos de Deus não é aniquilar os rebeldes: “Se possível, quanto depender de vós, tende paz com todos os homens; não vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à ira, porque está escrito: A mim me pertence a vingança; eu é que retribuirei, diz o Senhor” (Romanos 12:18-19)Deus tem dado aos servos dele, nos dias de hoje, uma missão de misericórdia e amor. Nós devemos anunciar as boas novas que oferecem a salvação aos homens perdidos, para que possam evitar a condenação eterna e participar do privilégio da comunhão eterna com Deus. Se Deus condenou os servos negligentes na missão de vingança, quanto mais ele vai cobrar a falta de zelo na missão de misericórdia! Os obreiros hoje devem ser diligentes no trabalho do Senhor. Leiamos ainda Apocalipse 3. 1 ao 6 Vemos um aviso expresso de Deus, ao líder máximo da igreja que não cumpriu com seu papel de Pastor. " Sê vigilante, e confirma os restantes, que estavam para morrer; porque não achei as tuas obras perfeitas diante de Deus..."  O que fizemos para Deus deve ter qualidade, ou seja QUALIDADE- DEDICAÇÃO - COMPROMETIMENTO. Temos somente um dever na terra, cumprir com nossa obrigação, e se não cumprirmos... MALDITO. Pr. Claudio Grabowsky. Parobé. RS

Nenhum comentário: